Fonte: Site Segs - Sabó no Congresso SAE 2013

Sabó Participa do Congresso SAE 2013  | 29/10/13

Mais uma vez, a SABÓ participou com sucesso do Congresso SAE, que este ano teve como tema principal a "Tecnologia da Mobilidade".

Com a participação de 10.636 pessoas, 23 fóruns/painéis de discussão com 105 palestrantes, 143 papers e 90 expositores, tivemos em nosso estande a presença de executivos das montadoras General Motors, Volkswagen; Ford e Fiat dentre outras visitas interessadas em todos os produtos e novas tecnologias expostas.

Nesta 22ª edição do evento, a SABÓ demonstrou sua tecnologia de ponta no desenvolvimento da aplicação em vedações para motores e transmissões híbridas, ou seja, veículos impulsionados por um motor a combustão interna conjugado com um motor elétrico de alto desempenho.

Estas novas gerações de transmissões híbridas atualmente já são uma realidade no mercado americano. A SABÓ fornece o “selamento” completo desta transmissão com três retentores, cinco Bonded Pistons Seals (selos) e duas juntas com uma demanda de mais de 4 milhões de transmissões/ano, vendidas hoje para Plantas da Ford e General Motors em mais de 5 países (México; Estados Unidos; Canadá; China e Coréia). A expectativa é de que num futuro próximo, esta transmissão híbrida esteja presente nas principais metrópoles, incluindo-se o mercado brasileiro, pois os quesitos de baixas emissões, economia de combustível e redução de atrito são direcionadores mundiais que irão estar presentes nas principais montadoras nos próximos anos.

Quanto à evolução das vedações para as transmissões híbridas, a SABÓ participou desde o início do desenvolvimento e forneceu os primeiros protótipos para o veículo conceito da GM e Ford dos Estados Unidos. Essas peças também são utilizadas no veículo elétrico da GM americana chamado de “VOLT”. Para este projeto, foi desenvolvida uma junta especial de alumínio e borracha com um tratamento de nanotecnologia para propiciar a colagem destes dois substratos, um retentor especial com material FPM (Flúor elastômero) que suporta baixas temperaturas e também um selo vulcanizado que suporta altas pressões.

Ainda falando em desenvolvimento de novas tecnologias aplicadas, a SABÓ está com projeto de produtos com redução em até 30% de atrito, sendo utilizado até mesmo em carros de Fórmula 1, pois contribuem para o aumento de estabilidade. Essa tecnologia é inspirada no princípio da “folha de lótus”, planta que possui em sua superfície a propriedade de repelir a água e poeira.

No último dia do evento, na parte de fóruns e painéis, a SABÓ participou através de seu Diretor Geral para as Américas e Vice-presidente da unidade EUA, Lourenço Oricchio Jr, da apresentação sobre “Competitividade”, onde destacou a iniciativa da empresa em investir em automação para a produção de peças com maior valor agregado, tornando-a mais competitiva, pois segundo Oricchio, aqui no Brasil existe o problema de aumento salarial sem compensação de produtividade. “Na nossa unidade em Mogi, já cumprimos de 30% a 40% desse objetivo, com a instalação de linhas automáticas comandadas por um só operador que produzem 10 mil peças por dia. Dessa forma, teremos chance de produzir mais peças de valor agregado, aumentando a produtividade das nossas plantas do Brasil e mantendo a presença dos nossos colaboradores; bem como os benefícios proporcionados às comunidades onde a SABÓ está presente”, completa Oricchio.

A empresa possui hoje em seu portfólio de produtos, mais de 3000 itens abrangendo mais de 90% do mercado, atendendo veículos nacionais, importados, linha agrícola, pesada e industrial.